Ponto Eletrônico RH

11/06/2020 / 7 meses atrás

Por que utilizar um sistema de ponto eletrônico?

Por que utilizar um sistema de ponto eletrônico?

 Por Canal Automação em 16 agosto, 2019 - Atualizado em Junho 2020 - * 5 minutos para ler*

Já passou o tempo em que utilizar um sistema de ponto eletrônico era complicado para as empresas. Ao contrário: hoje em dia, os controles de ponto disponíveis no mercado proporcionam uma economia de mão de obra e protegem as empresas de passivos trabalhistas, seja para o controle de ponto da jornada dos colaboradores, ou ponto por exceção, como propõe a MP 881, de 2019.

A nova geração de softwares de controle de ponto permite que os gestores tenham mais tranquilidade no controle da entrada e saída de colaboradores da empresa, garantindo que a jornada de trabalho esteja sendo cumprida e que a equipe está recebendo devidamente pelas horas trabalhadas. Além de mais segurança para a empresa, é também segurança para os profissionais.

Esse controle de jornada pode ser feito mesmo a distância, já que as informações ficam salvas em nuvem e são acessadas de qualquer lugar, a qualquer momento. E isso tudo com segurança e a um custo muito baixo, inclusive operacional, tendo em vista que os softwares de ponto em nuvem são intuitivos e fáceis de utilizar.

Continue a leitura para saber mais sobre software de gerenciamento de ponto!

Lei de Controle de Ponto

A legislação brasileira é complexa sob diversos aspectos, e no caso das leis trabalhistas, não é diferente. As mudanças trazidas pela reforma trabalhista em 2017, e agora a proposta da MP 881, também conhecida como a MP da Liberdade Econômica, aumentaram os desafios dos empregadores.

Em relação ao controle do ponto, há uma série de questões a serem levadas em conta. As empresas com mais de 10 colaboradores, por exemplo, precisam adotar algum tipo de controle da jornada de trabalho, segundo a legislação vigente.

As portarias do Ministério do Trabalho e Emprego 1.510/09 e 373/11 são válidas e devem ser consideradas. Porém, a Lei Trabalhista 13.467, de 13 de julho de 2017, também legisla sobre o tema. Frente a tantas regras e detalhes, o melhor a fazer é parametrizar um sistema de ponto com as necessidades de cada empresa, levando em consideração jornada, portarias e acordos coletivos.

Funções de um software em nuvem

Uma vez parametrizado, o sistema de ponto fará o cálculo automático de horas extras, horas-falta, banco de horas etc. Isso já acontecia quando as empresas utilizavam os complexos softwares instalados localmente, ou seja, softwares de ponto com instalação em um computador.

Porém, com a nova geração de softwares de controle de ponto — que são acessados por meio de um browser, de qualquer lugar que tenha acesso à internet — todos esses dados são armazenados em nuvem, o que garante a integridade das informações. Dessa forma, não é necessária a preocupação com backups frequentes ou perda de informações, como acontece com os softwares de ponto locais.

Vantagens do sistema de gerenciamento de ponto

Confira as principais vantagens de um software de gerenciamento de ponto em nuvem!

Redução de custos

O interessado em solução de ponto não precisa comprar uma licença de uso de software como se fosse um produto de alto custo. A compra de licença de software é coisa do passado.

A nova geração de softwares de ponto oferece soluções SaaS — do inglês “Software as a Service” ou Sistema como Serviço. Por se tratar de serviço, seu custo é mensalizado, oferecendo — além das variadas funcionalidades — suporte, atualizações, adequações às leis trabalhistas e segurança dos dados.

Além disso, não há mais a necessidade de comprar servidores, computadores quase exclusivos para fazer o sistema rodar de maneira adequada. Com todas as informações em nuvem, basta acessá-las via internet de forma ágil, rápida e com muito mais comodidade.

Segurança dos dados

Os dados que ficam salvos na nuvem são criptografados e requerem autenticação para serem acessados. Se o usuário tiver um comportamento seguro, usar senhas fortes e mantiver suas máquinas com as atualizações de segurança em dia, não terá problemas com vazamentos de informações.

Segurança nos processos jurídicos

Em casos de processos movidos por colaboradores (em função de horas extras indevidas, por exemplo), é possível estar seguro a respeito de sua assiduidade na empresa, já que o software de gerenciamento de ponto é capaz de armazenar dados por longos períodos. Isso tudo com máxima segurança e precisão.

Flexibilidade de gestão

Mesmo que o gestor não esteja fisicamente presente na empresa, ele pode fazer a gestão da jornada de trabalho da equipe. Basta acessar as informações salvas na nuvem para verificar o controle de ponto de forma remota.

Backup permanente

As informações são salvas na nuvem de forma automática e constante, o que permite manter um backup permanente de todos os dados. A capacidade ilimitada de armazenamento deixa o gestor despreocupado a respeito da necessidade de guardar as informações em segurança.

Como pudemos ver, o uso de um software de gerenciamento de ponto pode fazer uma grande diferença na gestão de qualquer empresa. Além de proporcionar economia, flexibilidade e tranquilidade na gestão, ainda torna o processo muito mais seguro.

Se você acredita que um sistema como esse pode ser útil no seu negócio, entre em contato com a gente agora mesmo através do ChatWhatsappMessengerTelefone ou preencha o formulário abaixo.

Conta pra gente o que achou!

0 comentário

Deixe seu comentário

Comentário

Nome

E-mail

Quanto é 3 + 0?

NEWSLETTER

Digite seu e-mail

Não se preocupe, também não gostamos de SPAM :)